ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DA INDÚSTRIA, COMÉRCIO E SERVIÇOS PARA EXCELÊNCIA DA REPARAÇÃO AUTOMOTIVA.

Área do consumidor

COMO ESCOLHER UMA OFICINA CERTA PARA SEU VEÍCULO

Não importa qual veículo você dirige: um modelo esportivo, ou um carro de família; uma pick-up, ou uma mini-van. Quando você precisa de serviços de manutenção, você os quer bem feitos. As dicas que apresentamos abaixo vão ajudá-lo a acabar com as dúvidas ao escolher uma oficina de reparos automotivos.


1.     ANTES DE MAIS NADA...

 

Não escolha uma oficina simplesmente por ela estar próxima, enquanto fica torcendo para que o melhor aconteça. Essa não é a melhor alternativa. Você pode apostar e perder.

 

Informe-se melhor sobre seu veículo lendo o Manual do Proprietário e siga as recomendações de revisão preventiva do fabricante.

 

Comece a buscar por serviços de manutenção antes de precisar deles:  assim você pode tomar suas decisões com calma e segurança.

 

Fale com seus familiares e amigos, mesmo nesta era high-tech, uma boa indicação de quem já utilizou vale muito.

 

Cheque se a oficina escolhida possui reclamações nos órgãos de defesa do consumidor. 

Se possível, providencie um meio de transporte alternativo com antecedência, para que você não se sinta forçado a optar por uma oficina somente pela sua localização.

          Uma vez que você tenha escolhido uma oficina, comece                   fazendo um pequeno reparo, como teste. Se você ficar                   satisfeito, confie a ela serviços mais complexos.

 

2.    NA OFICINA

 

Veja se o ambiente é limpo e organizado, e se há outros veículos de modelo e valor semelhantes ao seu para serem reparados. Verifique também se a oficina possui equipamentos de manutenção modernos.

 

Estabelecimentos administrados de forma profissional provavelmente terão uma equipe de atendimento cortês, preocupada em ajudá-lo e preparada para responder a todas as suas dúvidas.

 

Sinta-se à vontade para pedir nomes de clientes como referência. Telefone para eles.

 

Todas as condições da prestação de serviços, diagnóstico do problema, orçamento, garantias, formas de pagamento, devem ser apresentadas e explicadas antes da sua realização.

 

Informe-se se a oficina está acostumada a reparar veículos como o seu. Algumas delas se especializam em determinadas marcas.

 

Pergunte também se a oficina realiza o tipo de reparo que seu veículo necessita, principalmente quando se tratar de serviços mais complexos.


Procure por sinais de profissionalismo na área de atendimento: Certificados de Excelência em serviços concedidos por entidades civis e prêmios de reconhecimento à qualidade dos serviços.

A espinha dorsal de qualquer oficina é a competência de seu corpo técnico.

Verifique se ela possui profissionais automotivos qualificados, o que pode ser comprovado por diplomas de escolas técnicas, certificados de cursos de atualização e Certificados

 

3.               ACOMPANHAMENTO (FOLLOW-UP)

 

Mantenha todos os relatórios e notas fiscais dos serviços executados.

 

Recompense bons serviços com sua preferência em próximas oportunidades.  Ã‰ vantajoso para você e para o dono da oficina estabelecer um bom relacionamento.

 

Se o serviço deixou a desejar, não saia correndo para outra oficina, simplesmente. Procure discutir o problema com o gerente de serviços ou com o proprietário. Dê a eles a chance de resolver o problema. Boas oficinas valorizam a opinião positiva ou negativa dada pelo consumidor, e farão um esforço para mantê-lo em sua carteira de clientes.



Rua Nova Jerusalém, 1092, Tatuapé
Cep 03410-000, São Paulo, SP
11-3791-8096 - 2221-0489
contato@abraesa.org.br